Seguro viagem: fazer ou não?

Quando você está se preparando para uma viagem, tem que pensar em diversos detalhes, e cuidar para que tudo saia perfeitamente bem. E nessa hora pode surgir a dúvida: seguro viagem, fazer ou não fazer?

Muita gente desconhece a importância de ter um seguro viagem, e até mesmo acredita que esse serviço é um “luxo”. Mas não é bem assim. Ter um seguro pode significar a sua segurança num momento de dificuldade.

Então, veja quais são as nossas dicas a respeito, e entenda tudo sobre esse assunto. Afinal de contas: seguro viagem, fazer ou não fazer? É realmente vantajoso? Vou gastar muito? Veja as respostas.

Descubra tudo sobre seguro viagem: fazer ou não fazer?

Para quem mora no Brasil, ter alguns seguros é quase uma obrigatoriedade. Seguro do carro, da casa e o convênio médico, por exemplo, são alguns dos serviços mais importantes.

Mas esses serviços geralmente são limitados ao seu estado. Se você viaja, perde a cobertura até mesmo para viagens nacionais. E como garantir a sua segurança nesse caso?

Através da contratação de um seguro viagem. Mas muita gente desconhece a utilidade desses serviços, e se pergunta: seguro viagem, fazer ou não?

Um seguro viagem atuará como o seu convênio médico enquanto você está longe de casa. Além disso, esse serviço garante atendimento em outros vários setores, e poderá lhe garantir orientação em caso de dificuldades.

Quais são as vantagens de um seguro viagem?

Se você está na dúvida sobre um seguro viagem, fazer ou não fazer, veja quais são os serviços que você pode desfrutar. O Seguro deve ser feito no Brasil, antes de você embarcar, e assim contará com atendimentos como:

  • Atendimento médico:

Atendimento médico para o segurado diante de doença ou acidente. Qualquer problema que você venha a ter durante a sua viagem poderá ser atendido em um hospital indicado pelo seguro.

  • Atendimento para emergência odontológica:

Se tiver uma dor de dente, ou alguma emergência odontológica, poderá também receber um atendimento nesse sentido. Basta contatar a seguradora pra obter um retorno sobre onde se consultar.

  • Orientações em caso de perda ou roubo de documentos:

Se você passar pela péssima experiência de ter os seus documentos perdidos ou furtados, poderá pedir orientações com a sua seguradora. Assim saberá como agir com calma e tranquilidade.

  • Ajuda em caso de extravio de malas:

O mesmo acontece se você tiver a sua mala extraviada. Ao perceber que a sua bagagem não chegou ao destino, você pode solicitar ajuda na seguradora, depois de notificar a companhia aérea.

Esses são apenas alguns dos serviços básicos que você pode ter. Além disso, é possível melhorar o seu pacote, adicionando ainda mais serviços ao seu seguro voagem.

Então, vale mesmo a pena ter um seguro viagem?

Você começou esse artigo se perguntando “seguro viagem fazer ou não fazer?”, e agora podemos afirmar que a melhor escolha é contratar esse serviço antes de viajar!

Imprevistos acontecem a qualquer hora, e em qualquer lugar. Para garantir que a sua viagem será mais tranquila – e mais segura – somente com a contratação de um seguro viagem!

Coloque esse item entre as suas prioridades, e faça cotações para encontrar um plano que caiba no seu bolso. Mas não deixe de contratar esse serviço, e não viaje sem ele!

Então, se a sua dúvida era sobre seguro viagem, fazer ou não, a resposta é uma só: a sua segurança vale muito mais do que qualquer descuido. Faça da sua viagem um momento de real tranquilidade, e viaje com um seguro.

Acesse o site da Real Seguro Viagem, e obtenha as melhores cotações para escolher o seu.

Fonte:

Nenhum Comentário

    Deixar Comentário

    Login

    Welcome! Login in to your account

    Remember meLost your password?

    Lost Password