Tratado de Seguro Viagem

0
32

O tratado de seguro viagem é um assunto de suma importância para quem pretende conhecer a Europa. Sem um seguro que cumpra com as normas impostas pelo acordo o turista, seja ele brasileiro ou de qualquer outro lugar, pode ser impedido de entrar no continente, e com isso terá a sua viagem barrada ainda na imigração.

A Europa é um continente riquíssimo, cheio de experiências púnicas e encantadoras. Seja para quem viaja a trabalho, turismo ou estudos, esse é um dos destinos mais almejados e visitados do mundo.

E muito disso acontece justamente por conta do chamado Tratado de Schengen, que permite que os turistas saiam de um país e entrem em outro sem grandes dificuldades, apenas fazendo trajetos de trem ou pequenos voos.

Tratado de seguro viagem para a Europa – o que foi o Acordo de Schengen?

Em 1985, há mais de 30 anos, algumas das principais potências europeias chegaram a um acordo importantíssimo para o mundo inteiro. O Tratado de Schengen foi firmado, garantindo que as pessoas possam passear entre os países europeus sem grandes dificuldades.

De fato, passar da Itália para a França, ou para a Alemanha, por exemplo, é muito simples. Por isso mesmo muitas pessoas planejam viagens mais extensas, e aproveitam a sua estadia na Europa para conhecer diversas nações.

Mas é claro que uma decisão dessa magnitude exigiu também que essas nações tomassem algum cuidado. E o principal deles diz respeito à saúde e o bem-estar dos viajantes. Por isso existe o tratado de seguro viagem para a Europa!

Qual é o valor do seguro que devo contratar para essa viagem?

Para entrarem um dos países que fazem parte do Tratado de Schengen, o turista precisa carregar consigo um seguro viagem com cobertura mínima de 30 mil euros. E isso é obrigatório!

Ou seja, nem comece a planejar a sua viagem se você considera que o seguro é um gasto desnecessário, e se não estiver disposto a investir nisso, incluindo o Tratado de seguro viagem em uma de suas prioridades.

  • Quais são as coberturas?

Um bom seguro viagem para a Europa pode trazer inúmeros serviços em seu pacote de cobertura, sendo que os mais importantes são aqueles que se referem a cobertura médica.

Eles incluem atendimento ao estrangeiro em casos de acidentes ou doenças, inclusive urgências e emergências em decorrência de quadros preexistentes, como diabetes, pressão alta, e outros problemas mais comuns.

Também existe uma norma para que o turista seja atendido emergencialmente caso sofra algum problema odontológico. Afinal, uma dor de dente pode destruir uma viagem, bem como um acidente que comprometa a dentição.Tratado de seguro viagem

Todos os viajantes precisam contratar o serviço! Fique atento!

Não adianta tentar burlar o sistema, e viajar sem o tratado de seguro viagem. Pode até ser que o agente de imigração que lhe atenda não peça um comprovante disso, mas na maioria das vezes eles exigem ver a contratação do seguro.

Pensando nisso, fica ainda mais claro que é essencial procurar por um bom seguro. E ele é obrigatório para qualquer viajante, mesmo quem está acostumado a ir para a Europa várias vezes no ano.

Inclusive existem opções de planos de seguro viagem Europa anual, que garante que você desfrute da cobertura pelo prazo de 365 dias, sem necessitar renovar a contratação a cada saída do país.

Conhecer e entender a importância do seguro é essencial para quem está se planejando para uma viagem. Mais do que obrigatório, ele é importantíssimo para o seu conforto e bem-estar!

Então, o tratado de seguro viagem deve ser levado em consideração na hora de desenhar o seu roteiro e montar a sua viagem. Inclua esse serviço em seu orçamento e faça a sua viagem com toda a tranquilidade que você merece.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui